Limpeza urbana: o contexto institucional e a atividade de varrição

Autores

  • Georgina Maria Véras Motta UFMG
  • Livia de Oliveira Borges UFMG

Palavras-chave:

Limpeza Urbana, Contexto Institucional, Varrição, Pesquisa Documental

Resumo

O artigo descreve, numa abordagem institucionalista, o processo de gestão da autarquia responsável pela limpeza urbana em Belo Horizonte (de 1973 a 2012), focalizando a atividade de varrição. As técnicas utilizadas foram entrevistas semiestruturadas e consulta a documentos. Adotou-se o modelo da análise tridimensional das organizações nas entrevistas e aplicou-se análise de conteúdo. Os resultados indicaram que as políticas públicas promoveram ampliação da institucionalização do ambiente com impactos relevantes para organização e que os garis os percebem predominantemente problemáticos. Aponta necessidade de promover a participação dos trabalhadores na gestão da autarquia e valorizar suas experiências, para o desenvolvimento e qualidade do serviço de limpeza urbana, e contribuir para o bem-estar social.

 

Downloads

Publicado

2014-09-02

Edição

Seção

Relatos de Pesquisas Empíricas