Sobre a Revista

Processo de Avaliação pelos Pares

O processo de revisão editorial só será iniciado se o texto obedecer a todas as normas da revista quanto ao Foco, escopo e sessões estabelecidas. Caso contrário, será solicitada a adequação às normas e, então, a realização de nova submissão.
Se o texto estiver de acordo com as normas aqui mencionadas, e for considerado, pelos Editores, potencialmente publicável na revista, os Autores serão comunicados por e-mail sobre o início do processo editorial.
O texto será, então, encaminhado para 2 (dois) Consultores ad hoc.
Os Consultores ad hoc são escolhidos pelos Editores, entre pesquisadores de reconhecida competência na área. 
A autoria do texto não é informada aos Consultores ad hoc, bem como a identidade dos Consultores não é informada aos Autores.
No Caso da existência de conflitos de interesse no processo de avaliação pelo Consultor ad hoc, os editores encaminharão o manuscritos a outro parecerista. tenha qualquer espécie de impedimento para expressar seu parecer, devolve imediatamente aos Editores.
Os Consultores ad hoc após análise,  podem aceitar plenamente, rejeitar ou recomendar a publicação dos textos mediante sugestões de modificações em seu conteúdo. Os Autores recebem cópias dos pareceres dos Consultores.
Caso o texto venha a ser rejeitado, os Autores podem submetê-lo novamente à revista depois de cuidadosa revisão, considerando os pareceres recebidos. Em geral, os textos são  encaminhados aos mesmos Consultores ad hoc.
A recomendação para publicação associada a sugestões de modificação do trabalho visa melhorar a clareza ou precisão do texto, segundo os padrões de qualidade da revista científica. Uma versão reformulada do texto deve ser apresentada para apreciação, tendo em vista obter a aceitação. Esta versão deva estar acompanhada de carta dos Autores aos Editores quando estes não concordarem com algumas das sugestões dos Consultores, informando as modificações efetuadas e justificando aquelas não realizadas.
Esta carta e o texto reformulado são encaminhados a um dos Conselheiros da revista, juntamente com a versão original e com os pareceres dos Consultores ad hoc, para análise. O Conselheiro pode rejeitar, sugerir modificações (quantas vezes considerar necessário) ou indicar o texto reformulado para publicação. Nesta fase, o Conselheiro terá conhecimento da identidade dos Autores e Consultores envolvidos.
A decisão final sobre a publicação de um texto cabe aos Editores, auxiliados pelos pareceres de Consultores e Conselheiros.
Os Editores comunicam o resultado final aos Autores, por e-mail, o mais rapidamente possível, indicando a data e número da revista previstos para a publicação do artigo.
 

Periodicidade

Se reserva ao direito de tornar pública as submissões coletivamente somente quando o sumário estiver pronto, de acordo com a periodicidade da revista que é quadrimestral.

Template:

template2021RevistadoNUFEN

os artigos devem adotar o template anexo para submissão

Política de Acesso Livre

A Revista do NUFEN adota o acesso livre e gratuito ao seu conteúdo (open access), no sentido de promover a divulgação e democratização do conhecimento científico.

Sponsors

PROPESP, Núcleo de Pesquisas Fenomenológicas (NUFEN) e Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Pará (UFPA): Mestrado e Doutorado.

Fontes de Apoio

PROPESP, Núcleo de Pesquisas Fenomenológicas (NUFEN) e Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Pará (UFPA): Mestrado e Doutorado.

Histórico do periódico

A Revista NUFEN: phenomenology and interdisciplinarity  foi criada no modo impresso em 2003 pelo Núcleo de Pesquisas Fenomenológicas (NUFEN). Em 2009, a Revista passou a ser publicada no modo eletrônico com o intento de fomentar e divulgar saberes psicológicos nacionais e internacionais.