Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • O artigo está formatado conforme as normas da APA (6ª edição)?
  • A Carta de Compromisso Ético foi preenchida conforme o tipo de estudo (empírico ou teórico)?
  • A identificação dos autores nas propriedades do(s) arquivo(s) em Word foi removida?

Diretrizes para Autores

Atenção 

 

Consulte as nossas Instruções aos Autores para a formatação de artigos para a rPOT. 

 

Contribuições aceitas e sua estrutura básica

 

 

A rPOT aceita artigos em português, inglês, francês e espanhol, mas assume o custo de revisão apenas dos artigos em português. Por esse motivo, artigos em outros idiomas requerem uma revisão ainda mais minuciosa por parte dos autores antes do envio da versão final para publicação.

A rPOT adota, integralmente, as normas de publicação da APA (Manual de Publicação da American Psychological Association, 6ª edição, 2012).

Os autores podem consultar o website Apa Style <https://apastyle.apa.org/>, bem como o Apa Style BLOG, para informações sobre aspectos de forma.

O manuscrito, em sua totalidade, não deve exceder o número máximo de páginas estipuladas para o tipo de contribuição (ver seção Contribuições aceitas e sua estrutura básica), incluindo todos os elementos do texto (referências, figuras, tabelas, desenhos, etc.). Considera-se como página 1 a Folha de Rosto. O número da página deverá ser destacada no canto superior direito.

O manuscrito deve ser digitado em processador de texto Word for Windows 6.0 ou superior. Utilizar espaço duplo em toda sua extensão, inclusive nas referências. A fonte em todo o texto deve ser Times New Roman, tamanho 12, não excedendo, em hipótese alguma, o número de páginas acima estipulado. A configuração de página deve ser A4, com todas as margens com 2,5 cm e recuo à esquerda.

Folha de Rosto deve conter, única e exclusivamente, as seguintes informações, todas elas centralizadas na folha:

  1.  Título pleno em português, entre 10 e 12 palavras
  2.  Sugestão de título abreviado para português, não devendo exceder 5 palavras
  3.  Títulos plenos em inglês e espanhol, compatíveis com o título em português
  4.  Sugestão de títulos abreviados para o inglês e o espanhol

 

página 2 do manuscrito deve conter o Resumo, o qual deve estar apresentado em parágrafo único, contendo: breve apresentação da problemática; objetivos; método; principais resultados; principais implicações. Deve limitar-se a 150 palavras. Em seguida, acrescentar três palavras-chaves. Logo após o Resumo, inserir, corrido (sem quebra de página), o Abstract, tradução exata do resumo. Por fim, apresentar as três keywords.

 

Após o Abstract, deverá ser apresentado o Resumen, seguido de três palabras claves. As palavras chaves devem estar devidamente indexadas na BVS-PSI ou em outros sistemas de thesaurus, como o MeSH (Medical Subject Headings) ou o da APA, e com versões nos três idiomas.

Após a folha do Resumen, deve ser apresentado o texto propriamente dito. Não há necessidade de escrever a palavra "Introdução". As tabelas, figuras e demais elementos macrotextuais deverão estar diretamente no local definido pelos autores, ou seja, ao longo do texto. As Referências devem vir depois do corpo do texto.

Toda referência eletrônica deverá vir com o Digital Object Identifier (DOI), ou, na ausência dele, com o endereço URL (Uniform Resource Locator). A redação do DOI deve seguir o padrão recomendado pela CrossRef, que é: https://doi.org/10.000/000 (exemplo), sem o prefixo “doi:” antes. Os autores já podem mandar o DOI no formato de hyperlink.

As Referências devem vir sem formatações específicas advindas do uso de softwares de gerenciamento bibliográfico.

Aspectos éticos

Todos os manuscritos submetidos à rPOT devem vir acompanhados de uma Carta de Compromisso assinada por todos os autores. Nessa carta, que pode ser obtida aqui, os autores devem assumir terem seguido todos os princípios éticos e de integridade envolvidos na realização da pesquisa que deu origem ao manuscrito. Em caso de artigos teóricos ou de revisão da literatura, os autores devem garantir que seguiram todos os procedimentos de idoneidade relativos ao uso da propriedade intelectual de terceiros (conforme modelo de carta que pode ser obtido aqui).

Manuscritos que sejam, pelo Corpo Editorial da rPOT, avaliados como ferindo princípios éticos, serão sumariamente rejeitados, ficando o autor impedido de submeter novos manuscritos à revista. Por essa razão, recomenda-se que, ao redigir seu texto, o autor disponibilize, se cabíveis, as seguintes informações: critérios éticos envolvidos no convite de participantes; procedimentos de livre adesão à pesquisa; procedimentos éticos de manejo de informações e integridade das mesmas; entre outros aspectos recomendados pela APA (Sexta Edição), e pela COPE (Committee on Publication Ethics), a cujos princípios a rPOT adere (http://publicationethics.org/).  

 

É de responsabilidade dos autores:
• Apresentar lista de referências ao final do manuscrito;
• Informar sobre suporte financeiro (quando for o caso);
• Garantir que o manuscrito submetido para publicação não está submetido ou publicado em nenhum outro veículo de comunicação;
• Garantir que os dados apresentados no manuscrito submetido não são redundantes ou similares com publicações prévias dos próprios autores;
• Assumir que todos os autores do manuscrito participaram ativamente do processo de desenvolvimento do manuscrito, contribuindo significativamente para a pesquisa;
• Garantir concordância de todos os autores acerca da versão final do manuscrito previamente à sua submissão;
• Garantir que os dados são reais, e que não há nenhuma espécie de plágio no manuscrito;
• Alertar imediamente a revista em caso de descobertas de erros ou imprecisões contidas no trabalho durante o processo de avaliação e/ou após a sua publicação;
Garantir que todos os preceitos éticos preconizados pela resolução do Conselho Nacional de Saúde (CNS) 196/96 e pelas diretrizes do Committee on Publication Ethics (COPE) foram cumpridos.

 

Relatos de Pesquisas Empíricas

Trabalhos derivados de pesquisa empírica original, sejam descritivos ou preditivos, com ou sem teste de hipóteses. Esse tipo de contribuição deve possuir, necessária e exclusivamente, as seguintes seções:introdução, problema da pesquisa, os objetivos do trabalho, base teórico-conceitual para sua condução, hipóteses e/ou questões norteadoras; método, com as subseções: participantes, instrumento(s), procedimentos de coleta de dados e cuidados éticos, procedimentos de análise de dados; resultados, com os achados do estudo, coerentes com seus objetivos, hipóteses/questões norteadoras; discussão, interpretação dos principais achados, síntese e conclusão, além de limitações e implicações do estudo. Exige-se que, pelo menos, 40% de todas as referências tenham sido produzidas nos últimos cinco anos. Limitado a 30 laudas.

Revisões de Literatura

Sínteses de amplo e pertinente conjunto de produções disponibilizadas na literatura da área. Consiste, essencialmente, de avaliações críticas, propositivas, sobre determinados problemas, resumindo investigações anteriores, apresentando o estado da arte, identificando lacunas/questões a serem exploradas, sugerindo novos passos na investigação de um determinado assunto. Nas metanálises são utilizados procedimentos quantitativos para combinar, estaticamente, resultados dos estudos. Esse tipo de contribuição deve possuir, necessária e exclusivamente, as seguintes seções: introdução,problemática, motivo/pertinência da realização do artigo, bem como seus objetivos; método, claramente apresentando o corpus utilizado, os procedimentos de inclusão e exclusão de estudos (com descrição de buscadores e período coberto), e procedimentos de coleta e análise; resultados, com os achados do estudo, coerentes com seus objetivos e questões norteadoras; e discussão, com as implicações da revisão para o estudo do tema. Exige-se que, pelo menos, 50% de todas as referências tenham sido produzidas nos últimos cinco anos. Limitado a 30 laudas.

Ensaios Teóricos

Devem apresentar um problema teórico ou metodológico, com exposição lógica e defesa de uma "tese". A partir de uma argumentação rigorosa, o autor deve expressar, de forma fundamentada, seu julgamento pessoal a respeito do problema proposto, sinalizando possíveis novos caminhos ou soluções. Apresenta variação maior em termos de estrutura. Porém, sugere-se que as seções incluam: introdução,delineamento da problemática e os objetivos do estudo;método, com a estrutura lógica (a forma como o autor trabalhou os conceitos e argumentos); o equivalente a resultados/discussão, podendo ser adotados subtítulos coerentes e lógicos, com a síntese do trabalho e suas principais implicações e proposições futuras. Exige-se que, pelo menos, 40% de todas as referências tenham sido produzidas nos últimos cinco anos. Limitado a 25 laudas.

Resenhas

Devem se  referir a revisões críticas de obras nacionais (publicadas há até 2 anos) ou estrangeiras (publicadas há até 5 anos) orientando o leitor quanto a suas características e usos potenciais. Deve ir além do mero resumo dos capítulos, realizando uma apreciação crítica da obra, apontando as possíveis contribuições para o campo da Psicologia das Organizações e do Trabalho. Limitado a 4-7 laudas.

Relato de Experiência Profissional

Estudo de caso, com evidências, metodologicamente apropriadas, que descreva novos métodos ou técnicas, bem como a avaliação dos resultados da experiência. Esse tipo de contribuição deve possuir as seguintes seções: introdução, com apresentação do caso e de seus aspectos contextuais, sustentação teórica e objetivos do estudo; método, apresentando ao leitor as etapas de realização da experiência, descrição de procedimentos ou estratégias de intervenção, os instrumentos ou ferramentas utilizados;resultados/discussão, podendo ser adotados subtítulos coerentes e lógicos, contendo a análise de implicações da experiência e as contribuições da mesma para a atuação em Psicologia das Organizações e do Trabalho. Exige-se que, pelo menos, 40% de todas as referências tenham sido produzidas nos últimos cinco anos. Limitado a 10-15 laudas.

9º Congresso Ibero-Americano em Investigação Qualitativa

Apenas para os artigos vinculados ao CIAIQ2020.

Debates

A convite da rPOT, esta modalidade visa a promover o diálogo e o debate sobre temas e assuntos atuais de interesse da Psicologia Organizacional e do Trabalho. A seção é composta por três partes diferentes e complementares, escritas por autores convidados pela rPOT. São convidados autores que sabidamente adotam posição favorável à temática norteadora, outros que defendem uma posição contrária, e um terceiro que desempenha o papel de moderador. Limitado a 7-10 laudas.